Acontece na Paróquia  

  • Maristela Festucci - PASCOM Santa Teresinha

Pentecostes, o início da Igreja!

Veja, neste texto, porque o envio do Santo Espírito de Deus é tão importante para nossa fé. Conheça também, um pouco mais sobre os dons Dele.

Neste 15 de maio, a Igreja celebra o Domingo de Pentecostes. Sendo uma das principais celebrações do calendário católico, é realizada 50 dias após a Páscoa e, nela, relembramos a descida do Espírito Santo sobre os apóstolos de Jesus. O termo "Pentecostes” vem do grego quinquagésimo.

Após Sua Ressurreição, Jesus passou 40 dias dando seus últimos ensinamentos aos seus discípulos. Quando Cristo ascendeu aos Céus, estes seus amados seguidores passaram 7 dias reclusos, aguardando a vinda do Espírito Santo que Jesus prometeu que enviaria para consolar a humanidade. Neste período, os discípulos ficaram reunidos no Cenáculo, onde também ocorreu a última Ceia do Senhor. Porém, desta vez, sem Ele. A partir deste momento, eles teriam que resistir e pregar a Palavra sem o Mestre presente. Por isso, o evento de Pentecostes pode ser considerado o marco inicial da Igreja como instituição.

Na Bíblia, encontramos o seguinte relato do dia do Pentecostes no livro dos Atos dos Apóstolos:

“Chegando o dia de Pentecostes, estavam todos reunidos no mesmo lugar. De repente, veio do céu um ruído, como se soprasse um vento impetuoso, e encheu toda a casa onde estavam sentados. Apareceu-lhes então uma espécie de línguas de fogo que se repartiram e pousaram sobre cada um deles. Ficaram todos cheios do Espírito Santo e começaram a falar em línguas, conforme o Espírito Santo lhes concedia que falassem”. (Atos dos Apóstolos 2, 1-4).

Após receberem-No, os discípulos puderam levar a Palavra de Deus a outras pessoas de forma mais abrangente. Dessa forma, o dia de Pentecostes representa para os cristãos católicos a parte prática de nossa fé. O Papa Francisco, recentemente, falou sobre o trabalho do Espírito Santo. No Santo Espírito de Deus, reside o Amor entre o Pai e o Filho. Ele é a Terceira Pessoa da Santíssima Trindade.

Dentro da tradição de Pentecostes, temos os sete dons do Espírito, que são enumerados na Bíblia no livro do Profeta Isaías, capítulo 11. São eles:

- Fortaleza (representado pela cor vermelha) - Nos proporciona força para lutar contra as tentações;

- Sabedoria (representado pela cor azul) - reconhecimento do poder eterno de Deus;

- Entendimento (representado pela cor prata) - A busca pela compreensão das coisas de Deus no seu sentido mais profundo, sendo complemento da sabedoria;

- Conselho (representado pela cor verde) - Auxiliar o próximo com pureza e sinceridade de coração, mostrando ao irmão o caminho da salvação;

- Ciência (representado pela cor amarela) - Dons terrenos, mas enviados por Deus;

- Piedade (representado pela cor azul escuro) - A devoção em ajudar ao próximo;

- Temor a Deus (representado pela cor roxa) - Estarmos em sintonia diária com os preceitos do Criador.

Devemos orar e pedir ao Espírito Santo que, através de Seus dons, nos ilumine em nossas atividades diárias e que, em vez de utilizá-los para finalidades materiais e egocêntricas, usemos estes dons para disseminar o Amor de Jesus.

Fonte: http://blog.cancaonova.com/hpv/pentecostes-o-nascimento-da-igreja/

23 visualizações
Notícias em Destaque
Arquivo

Paróquia Santa Teresinha

Praça Rui Barbosa, s/n - Santa Terezinha, Santo André/SP

Informações: Tel. (11) 4996-3506 | WhatsApp. (11) 99971-5580 | teresinha.sa@diocesesa.org.br | Redes sociais: @santateresinhasa