Acontece na Paróquia  

  • Fernando Murakami - PASCOM Santa Teresinha

São José: protagonismo sem paralelo na história da salvação


No dia 19 de março, celebramos a Solenidade de São José com missa transmitida em nosso Facebook a partir das 18h. Neste dia, a Igreja, recorda solenemente a santidade de vida do seu patrono. Esposo da Virgem Maria, modelo de pai e protetor da Sagrada Família, São José foi escolhido por Deus para ser o patrono de toda a Igreja de Cristo.


São José foi pai verdadeiro de Jesus, não pela carne, mas pelo coração; protegeu o Menino das mãos assassinas de Herodes, o Grande, e ensinou-lhe o caminho do trabalho. Esteve ao lado de Maria em todos os momentos, principalmente na hora do parto, que aconteceu em um estábulo, em Belém. Educou e protegeu o Menino Jesus, com o amor de Deus Pai.


A vida de São José se devotou aos cuidados de Jesus e Maria. Vivendo do trabalho de suas mãos, como carpinteiro, sustentou sua família com dignidade e exemplo. A profissão de carpinteiro propiciava dignidade à família. José era um judeu religioso e praticante. Ele consagrou o menino Jesus no Templo, logo depois que o menino nasceu. Este ato só era praticado na época por judeus piedosos. São José levava sua família regularmente às peregrinações de seu povo em Jerusalém, como, por exemplo, na Páscoa. Foi numa dessas peregrinações em que, na volta para Nazaré, o menino Jesus, com apenas 12 anos de idade, ficou em Jerusalém conversando com os doutores da lei. Nesta ocasião, Jesus afirma que “Tinha que cuidar das coisas de seu Pai”. Esta é a última vez que José é mencionado nas Sagradas Escrituras. Todos os indícios levam a crer que José faleceu antes de Jesus começar sua vida pública.


São José teve papel importantíssimo na formação da personalidade de Jesus enquanto pessoa humana. O comportamento de Jesus do ponto de vista humano nos mostra que Ele foi um menino e um homem que teve um pai presente, piedoso e influente. José foi um pai que ensinou ao filho o caminho da justiça, da verdade, do amor e do conhecimento da Palavra de Deus. Até os tempos de hoje, São José é chamado de “Justo” desde os Evangelhos. Por isso, São José é um dos maiores santos de todos os tempos.


E ao celebrar a festa de São José, nos lembramos do seu “sim” a Deus, no meio da noite, assim como a Virgem Maria, José disse sim para a chegada do Salvador. Deus Pai contou com ele e não foi decepcionado. Que o Altíssimo possa contar também conosco! Cada um de nós também tem uma missão a cumprir no plano divino. E o mais importante é dizer “sim” a Deus como São José.


“Despertando, José fez como o anjo do Senhor lhe havia mandado” (Mt 1, 24).


São José, rogai por nós!!


Fonte:

Nossa Sagrada Família - História de São José

Cruz Terra Santa - História de São José

Canção Nova - O nosso pai São José

44 visualizações

Posts Relacionados

Ver tudo
Notícias em Destaque
Arquivo